© 2009 InfoVINHO I Confraria Black Tie

 Eslovênia

 

 

  A Eslovênia conquistou a independência da antiga Iugoslávia em 1991 e escapou relativamente incólume das guerras civis que assolavam suas vizinhas. Sua tradição vinícola remonta a 2.400 anos atrás. Há cerca de 24.500 ha de vinhedos registrados e número crescente de vinícolas de alta qualidade, como Kupljen (da região de Podravje) e Movia (da região de Primorje).
 

 

 Primorje

 

 

  Primorje ( ou Primorska) significa "ao lado do mar".

 

  Nessa região está o maior número de grandes produtores, e os tintos e brancos têm igual importância. Divide-se em: Brda, Vipaka, Kras e Koper. Brda, também chamada Goriska Brda, é uma continuação das famosas Collio italianas rodeadas de vinhedos.

 

  O Vale do Vipava é melhor para os brancos. A cepa refosk é importante em Koper e produz um vinho vivaz com sabor de framboesa. Em Kras há uma linhagem singular de refosk plantada no rico solo de terra roxa que origina o renomado Teran.

   Variedades mais cultivadas :

     

Tintas :  Merlot, Resfosk, Cabernet. 

Brancas : Rebula, Malvazija, Sivi Pinot, Chardonnay.

 


 

 

 Posavje

 

 

  Mais a Sudeste, a Posavje é a região menos conhecida fora da Eslovênia.

 

  Os vinhos misturados são seu forte, mas os ice wines de Laski Rizling também são apreciados.

 

  As 3 regiões produtoras são Bizeljsko, Dolenjskae Bela Krajina.

 

  O Cvicek é típico de Dolenjska, um corete tradicionalmente fresco, leve e ácido de 4 cepas (2 tintas: Zametovka e Modri Pinot; e 2 brancas).

 

  Bela Krajina é conhecida pelo Metliska Crnina, corte corte que inclui Frankinja e Zametovka. Em Bizeljsko são cultivadas Beli Pinot, Chardonnay, Laski Rizling, e Sauvignon, e a especialidade é o espumante fermentado na garrafa.

  Variedades mais cultivadas :

Tintas : Modra Frankinja, Zametovka, Modri Pinot. 

Brancas :  Laski Rizling, Sipon, Chardonnay, Rumeni, Muskat.

 Podravje

 

 

   Podravje fica no nordeste, nos sopés dos Alpes, ao lado da Áustria.

 

  É a maior região vitivinícola, e o clima frio beneficia sobretudo os brancos aromáticos de acidez viva. 

 

  Maribor é o melhor distrito pára os brancos, principalmente o renski Riesling, e é famosa por possuir a vinha mais antiga da Europa, uma Zametovka de 400 anos.

 

  Ljutomer-Ormoz talvez seja o mais famoso dos 7 distritos vinícolas; as colinas de Jeruzalem originam brancos secos muito bons de Beli e Sivi Pinots, além de Sipon e Laski Rizling e vinhos doces nobres, de colheita tardia e ice wine.

 

  Haloze produz Pinots, Renski Riesling e Traminec frescos.

 

   Variedades mais cultivadas : 

Tintas :  Zametovka, Modra Frankinja, Modri Pinot. 

 

Brancas :  Laski Rizling , renski Riesling, Sivi Pinot, Beli Pinot, Sipon.