A Turquia está há muito tempo entre os 5 maiores países viticultores do mundo, com mais de 600.000ha de vinhedos, contudo, só 2% dos frutos originam vinho.

   Acredita-se que integre uma das áreas em que originalmente se cultivava vitis vinífera, mas a indústria vinícola era letárgica até que , nos anos 20, Kemal Atatürk, fundador da república turca e seu primeiro presidente, lhe deu impulso. Produz-se grande volume só para consumo interno, adequado ao gosto local, porém agora a Turquia está encontrando um nicho no exterior para vinhos do Velho Mundo, à moda antiga e de qualidade, de cepas autóctones interessantes, o que traz nova dimensão ao mercado consumidor, saturado de Cabernet e Chardonnay. Mas isso não significa que a Turquia deixará de lado as populares cepas internacionais.

   Na fronteira com a Grécia e a Bulgária está a região de Trácia e Marmara, o coração da indústria vinícola turca, responsável por 40% da produção. O verão quente, úmido e ensolarado, , e o inverno gelado propiciam vinhos leves de diversas uvas, sendo os melhores refrescantes, com bom equilíbrio e acidez.

   Mais ao leste, ao longo dos 1.700km da costa do Mar Negro, as cepas tintas Bogazkere e Öküzgözü dominam e produzem vinhos atraentes, vigorosos e frutados; já a Narnice e a Kabarcic originam brancos surpreendentemente bem-estruturados.
 O platô de vinhedos da Anatólia Central está sujeito a variações extremas de temperatura, porém consegue resultados elegantes com as cepas nativas.
 
   No Leste da Anatólia, nos arredores de Elazig, as condições são semelhantes, porém os vinhos envelhecem melhor, e sua gama de vinhos inclui um delicioso tinto doce estilo porto de Öküzgözü.

   Num platô árido a 600m de altitude, o Sudeste da Anatólia está sujeito a temperaturas de até 46°C no verão e -11°C no inverno. Os vinhos tintos de Bogazkere reagem melhor a essas condições, sendo escuros, tânicos, robustos e muito encorpados, e em geral mais elegantes com a adição da Öküzgözü, mais frutada e delicada.

   Variedades mais cultivadas :

    Tintas : Bogazkere, Öküzgözü, Papazkarasi, Kalecik Karasi.

    Brancas : Narince, Sémillon